segunda-feira , 15 outubro 2018
Home / Ceara / Cerca de 7 mil pessoas participam da Marcha pela Vida neste sábado (22)

Cerca de 7 mil pessoas participam da Marcha pela Vida neste sábado (22)

Evento ocorreu neste sábado na Praia de Iracema (Foto: Reprodução/ Diário do Nordeste)

Em 23/09/2018 às 07:00

Cerca de 7 mil pessoas participaram, neste sábado (22), no Aterro da Praia de Iracema, da 10ª edição da Marcha pela Vida Contra o Aborto 2018. De acordo com a organização, “a iniciativa, promovida pelo Movimento pela Vida e Não Violência (Movida), reuniu pessoas que defendem o direito à vida, desde a concepção, e são contrárias ao aborto”. 

“É uma grande mobilização e eu acredito que a situação atual do País motivou e sensibilizou as pessoas a virem hoje para a rua dizerem sim à vida e não ao aborto”, afirmou um dos coordenadores da marcha, Fabiano Farias. Segundo ele, o Movida realiza o trabalho de conscientização durante todo o ano através das redes sociais e de outros eventos. “A marcha é o ponto alto, é o ativismo.

“A nossa marcha é a segunda mais antiga do País. Já conseguimos conscientizar a sociedade que o principal é levantar a bandeira da vida. O Movida realiza um trabalho para trazer essa discussão para o povo porque isso estava muito restrito”, explicou.

Edição 

A edição que marca os 10 anos do movimento traz como ponto de partida o não à Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 442. “A mobilização visa alertar à população quanto aos trâmites no Supremo Tribunal Federal (STF) que tenta legalizar a interrupção da gravidez com até 12 semanas. A ADPF 442 questiona artigos do Código Penal que criminalizam a realização do aborto”, informou a organização.

Neste ano, estiveram presentes no evento o cantor Chico Pessoa,a ativista pró-vida Sara Winter, entre outras atrações. “Eu fico muito feliz de chegar em todas as marchas pelo País e ser muito bem recebida. É uma demonstração do perdão cristão. Eu me dedico a resgatar as mulheres que querem praticar o aborto”, disse Sara.

Para a ministra religiosa Joelia Batista, que foi à marcha com uma caravana de cerca de 50 pessoas de uma igreja da Capital, o trabalho realizado no Ministério Bela Vista objetiva “conscientizar as mulheres que a vida é mais importante que o aborto. A gente trabalha levando a palavra de Deus”. 

Diário do Nordeste

Compartilhar

Veja Também

Água é monitorada em 89% dos municípios do Ceará

Em 05/10/2018 às 09:50 A água para consumo humano é um bem essencial que garante saúde ...

Deixe uma resposta