segunda-feira , 15 outubro 2018
Home / Esportes / Com erro absurdo via VAR, Cruzeiro perde do Boca Juniors na Bombonera

Com erro absurdo via VAR, Cruzeiro perde do Boca Juniors na Bombonera

Jogadores do Boca Juniors comemoram após Pablo Pérez (dir) marcar gol durante partida contra o Cruzeiro, válida pelas quartas de final da Copa Libertadores da América – 19/09/2018 (Foto: Eitan Abramovich/AFP)

Em 20/09/2018 às 09:52

O Boca Juniors abriu boa vantagem sobre Cruzeiro no primeiro jogo das quartas de final da Copa Libertadores, ao vencer por 2 a 0 na Bombonera, em Buenos Aires, na noite desta quarta-feira. O jogo foi marcado por um erro absurdo do árbitro paraguaio Eber Aquino, que, com o auxílio da vídeo, expulsou o zagueiro cruzeirense Dedé em um lance totalmente casual.

Os gols da vitória do Boca Juniors foram marcados por Mauro Zarate, ainda no primeiro tempo, e Pablo Pérez, na segunda etapa, quando o Cruzeiro já estava com um jogador a menos. Minutos antes, Dedé se chocou acidentalmente com o goleiro Esteban Andrada, que ficou com a boca sangrando no lance.

O árbitro Aquino, no entanto, foi chamado pelo árbitro assistente de vídeo (VAR, na sigla em inglês), e decidiu pela expulsão de Dedé, para revolta dos cruzeirenses. Com a derrota, o Cruzeiro terá de vencer por três gols de diferença para avançar no tempo normal na partida de volta, no Mineirão, dia 4 de outubro. Vitória por 2 a 0 leva a decisão para os pênaltis.

Fonte: Placar

Compartilhar

Veja Também

Vitória vence e empurra a Chapecoense para a zona de rebaixamento

Em 14/10/2018 às 16:59 Após quatro derrotas consecutivas, o Vitória enfim deu fim a série ruim ...

Deixe uma resposta