domingo , 18 Fevereiro 2018
Home / Ceara / Em reunião do MAPP, Governo do Ceará reforça compromisso com equilíbrio econômico e define prioridades para 2018

Em reunião do MAPP, Governo do Ceará reforça compromisso com equilíbrio econômico e define prioridades para 2018

 

20/01/2018 às 15:08:22

O Governo do Ceará realizou nesta sexta-feira (19), no Pavilhão de Eventos da Residência Oficial, o primeiro encontro com o secretariado estadual de 2018 para avaliar as ações do ano passado e projetar os investimentos do Estado por meio do sistema de Monitoramento de Ações e Projetos Prioritários (MAPP). Em reunião presidida pelo governador Camilo Santana, cada secretaria apresentou balanço de seus principais dados em 2017 e projetou as ações para este ano. O evento prosseguirá neste sábado (20).

O equilíbrio econômico do Ceará foi destaque no Mapp, sendo o ponto de partida que regeu as diversas pautas discutidas no evento. O balanço de 2017 apontou o Ceará mais uma vez como o Estado mais equilibrado financeiramente e o que mais investe. No ano passado, foram investidos cerca de R$ 2,48 bilhões em ações estaduais, superando 2016, quando o valor chegou aos R$ 2,1 bilhões.

O governador Camilo Santana afirmou que este momento no início do ano é crucial para intensificar o plano de ações do Governo do Ceará, para que o Estado siga avançando em políticas públicas na Educação, Segurança, Saúde e Infraestrutura, dentre outras áreas. Atualmente, há cerca de 1.000 obras em andamento em todas as regiões do Ceará.

“Tivemos a oportunidade de fazer um balanço de 2017, com cada secretaria apresentando seus resultados. Faremos todo um planejamento de prioridades para 2018 em cima do orçamento que já foi aprovado, colocando metas, definindo recursos e garantindo a execução das obras, ações e projetos prioritários deste ano. São dois dias sem hora para acabar”, disse o governador.

Apresentações

Neste primeiro dia de encontro, cada secretário teve 13 minutos para apresentar as principais ações de 2017 e os projetos deste ano. O primeiro a apresentar os dados foi o secretário da Fazenda, Mauro Filho, seguido pelo gestor do Planejamento e Gestão, Maia Júnior. Em seguida, vieram as secretarias das Cidades, PGE, Infraestrutura, Saúde, Turismo, Educação, Trabalho e Assistência Social, Controladoria e Ouvidoria, Casa Civil, Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente, Justiça e Cidadania, Desenvolvimento Agrário, Esporte, Pesca, Cultura, Recursos Hídricos, Política sobre Drogas, CGD, Ciência e Tecnologia e Segurança Pública.

Realizações e prioridades

O chefe do Executivo frisou que, neste ano, a população cearense será beneficiada com a entrega e o prosseguimento de obras de infraestrutura, tais como as da ponte de escoamento no Porto do Pecém (prevista para o final do semestre), duplicações de rodovias estaduais e o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) de Fortaleza.

Na Saúde, Camilo aponta que uma das prioridades será a elaboração de conjunto de ações – envolvendo investimento de R$ 100 milhões – para reduzir ao máximo as filas de cirurgias eletivas na rede de saúde estadual.

Já na Educação o acompanhamento estará sobre a entrega de mais escolas em todo o território cearense. Atualmente, destacou o governador, 82 escolas estão em construção no Estado, tanto Profissionalizantes quanto de Ensino Médio Regular. Além disso, incluindo os Centros de Educação Infantil (CEIs), ginásios e Centro de Idiomas, a Seduc conta com cerca de 200 obras em andamento.

O Governo do Ceará também seguirá na busca por parcerias e pactuações, com o objetivo de atrair investidores, gerar mais oportunidades para os cearenses e movimentar a economia. “Em 2018, também continuaremos o trabalho para que se possa intensificar a geração de empregos. A parceria com Roterdã para o Porto do Pecém, por exemplo, deve sair nos próximos meses”, pontuou o governador.

MAPP 2018; FOTOS MARCOS STUDART

Manter o equilíbrio

Em apresentação que abriu o MAPP deste ano, o secretário da Fazenda, Mauro Filho, chamou atenção para a necessidade do Estado continuar seguindo à risca os passos do plano de sustentabilidade adotado pela gestão estadual. Segundo o titular da Sefaz, o Ceará hoje vai na contramão da crise econômica do País e, por isso, segue com otimismo e cada vez mais progresso no desenvolvimento social e econômico.

“Nós mantivemos tanto um esforço gerencial muito forte para ampliar receita, aumentando a eficiência da máquina, investindo em tecnologia, e simultaneamente controlando com muito rigor o aumento da despesa corrente, o custeio de manutenção com água, energia, aluguel, etc. Esses dois movimentos de aumentar receita e controlar despesa gerou para o Estado do Ceará a manutenção do maior volume de investimento”, explicou Mauro Filho.

Governo do Estado do Ceará

André Victor Rodrigues e Thiago Cafardo – Repórter/Porta-voz do governador
Carlos Gibaja e Marcos Studart – Foto

Compartilhar

Veja Também

Destinatário com encomenda destruída nos Correios deverá entrar em contato com vendedor

15/02/2018 às 18:21:05 Clientes dos Correios serão ressarcidos com destruição da carga que aguardava distribuição no ...

Deixe uma resposta