quinta-feira , 19 julho 2018
Home / Mundo / Homem que incitou assassinato do príncipe George é condenado à prisão perpétua

Homem que incitou assassinato do príncipe George é condenado à prisão perpétua

Husnain Rashid retratado durante julgamento em Londres em 2017. Ele assumiu ter incitado um ataque terrorista contra o príncipe George (Foto: Elizabeth Cook/PA via AP)

Em 13/07/2018 às 20:08

Um tribunal britânico condenou, nesta sexta-feira (13), à prisão perpétua, passível de revisão após 25 anos, um homem que incitou ao assassinato do príncipe George da Inglaterra quando ele estava na creche.

Husnain Rashid, de 32 anos, usou uma conversa na plataforma de mensagens Telegram, em outubro de 2017, para pedir a seus interlocutores que atentassem contra o príncipe de quatro anos, terceiro na linha de sucessão ao trono.

Príncipe George segura as mãos do pai e da diretora da escola (Foto: Richard Pohle/Pool/Reuters)

Também publicou sugestões sobre estádios de futebol vulneráveis a atentados.

“A mensagem era clara: forneceu o nome e o endereço da escola do príncipe George, uma imagem da escola do príncipe George, e a instrução ou ameaça de que o príncipe George e outros membros da família real tinham de ser vistos como alvos em potencial”, disse o juiz Andrew Lees ao ler a sentença.

O julgamento aconteceu no tribunal de Woolwich, em Londres.

Por France Presse

Compartilhar

Veja Também

Trump diz que relações com a Rússia nunca estiveram piores

Em 16/07/2018 às 10:00 Ao chegar à Finlândia para seu esperado encontro com o presidente russo, ...

Deixe uma resposta