Home » Notícias » Ceará » Volta do feriado prolongado é considerada tranquila nas vias do Estado

Volta do feriado prolongado é considerada tranquila nas vias do Estado

VOLTA
São 442 policiais envolvidos no controle do tráfego para garantir a segurança dos usuários das rodovias (Foto: Kléber. A. Gonçalves/Diário do Nordeste)

O feriadão de Corpus Christi chegou ao fim neste domingo (18) e os motoristas que retornaram do Litoral pela CE-040, no início da tarde, não enfrentaram congestionamentos no retorno à Capital. Apesar do fluxo intenso de veículos, a via registrou apenas pontos de lentidão na altura do Km 60, próximo à avenida Eusébio de Queiroz. Conforme o Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual (BPRE), o balanço preliminar do final de semana pode ser considerado positivo em virtude das poucas ocorrências.

“O que nós podemos relatar, até agora, é que o feriado prolongado foi tranquilo. Mesmo tendo sido na quinta-feira e o Governo Estadual ter decretado ponto facultativo na sexta, a quantidade de carros é grande, mas está transcorrendo tudo normalmente”, avalia Marcos Ferreira, Capitão do BPRE, afirmando ainda que o balanço oficial com dados estaduais do feriado de Corpus Christi será divulgado nesta segunda-feira (19).

Controle de tráfego

São 442 policiais envolvidos no controle do tráfego para garantir a segurança dos usuários das rodovias. No Posto da Polícia Rodoviária Estadual, na CE-040, os profissionais abordavam condutores que trafegavam no sentido Interior Capital. “Primeiro nós fazemos o procedimento operacional e depois a abordagem administrativa que é verificar documentação. Quando notamos algum suspeito, o procedimento é mais minucioso”, explica a Sargento da BPRE, Ana Valéria.

Os condutores são submetidos também ao teste do bafômetro. Segundo o sargento Marcos Vieira, até o início desta tarde, 40 pessoas fizeram o teste com resultados negativos quanto à taxa de álcool no sangue. “Todos os procedimentos deram zero. Isso quer dizer que os motoristas estão começando a ter mais consciência. Sempre que eles saem, alguém da turma não bebe para dirigir o veículo, e isso tem que continuar”, pontua.

Para a professora Sandra Campina, 44, o trabalho realizado pelos policiais no fim do feriado contribui para a segurança de todos. “É muito importante porque nós sentimos que a via está segura, já que os condutores passam pelo teste. Eu me sinto bem mais tranquila”, revela a condutora que voltava de Beberibe.

Fonte: Diário do Nordeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *