Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Homem chama PMs de Várzea Alegre de corruptos e diz que não obedece a polícia
16/11/2018 11:51 em Polícia

Um caso de atos obscenos junto com desacato e danos foi registrado por volta das 19h30min desta quinta-feira na loja de conveniência do Posto de Combustível 100% que funciona na Avenida Neném Marinheiro em Várzea Alegre. A polícia foi acionada por conta de uma pessoa que estava praticando atos obscenos no estabelecimento quando, segundo testemunhas, colocava a mão no pênis e ainda falava uma série de sandices para todos verem e ouvirem.

Chegando ao local, os PMs notaram que Cícero Carlos da Silva dos Santos Araújo, de 34 anos, apresentava sinais de embriaguez e ele não gostou de ver os policiais. Na abordagem, de acordo com os militares, disse que era “traficante”, acrescentando que “não ía obedecer a polícia” e ainda classificou os PMs de corruptos. Além disso, deu pontapés na viatura quando terminou contido e levado à delegacia. Carlos foi autuado apenas por desacato já que as vítimas não quiseram representar contra ele.

O mesmo já tinha sido preso no final da noite do dia 13 de março de 2013 em Juazeiro do Norte após invadir uma casa no cruzamento das ruas Paizinho Sabiá e Ivany Feitosa no bairro Tiradentes. Na época, Cícero Carlos residia no bairro Timbaúbas em Juazeiro e teria ameaçado o dono da residência Raimundo Juarez Ribeiro, de 47 anos, quando passou a responder o Inquérito Policial (322/2013) por invasão de domicílio e ameaça.



Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

(Foto: Reprodução/ Google Maps)

COMENTÁRIOS