TV Globo inicia guerra e faz revelação assustadora sobre Record e o Bispo Macedo
03/05/2019 22:04 em Fama & Tv

Nesta quinta-feira(2), o Jornal Nacional, da Globo surpreendeu o seu público ao mostrar a denúncia de um crime que envolveria a Record e o nome de seu líder, Bispo Edir Macedo.

O jornal mostrou um depoimento do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, que está preso. O depoimento é perigoso para a Record.

O perigo é registrado porque, segundo Cabral, ele teria intermediado o encontro de executivos da emissora de Edir Macedo com um procurador da república. O principal objetivo, segundo o governador, era evitar que Bispo Macedo perdesse a concessão da emissora.

De acordo com Cabral, dois executivos da Record revelaram que havia um problema com a fundação da Record, que estava embargado no Ministério Público. Esse problema, que não é explicado pelo governador, poderia, segundo ele, levar até mesmo ao fechamento de um dos principais canais do país.

O ex-governador disse que não se interessou em saber qual era o problema. “Sei que tinha o risco de perder a televisão”, disse no depoimento. Ainda segundo Cabral, o problema teria sido resolvido após o encontro.

Claudio Lopes, um dos ex-executivos acusados por Sérgio Cabral disse que o depoimento do ex-governador é mentira. Segundo ele, Sérgio estaria fazendo delações movido pelo desespero, cujo principal objetivo seria tentar conseguir uma redução da sua pena.

A assessoria da Record afirmou que Thomaz Naves, outro executivo que teve o seu nome citado na reportagem do Jornal Nacional, nunca esteve na casa de Cabral e que as declarações são infundadas.

 

*TV Foco

COMENTÁRIOS