Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Fórum discute o combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes
23/05/2019 10:28 em Juazeiro do Norte

Inserido no Encontro de Trabalhadores SUAS, que vai até o dia 31 de maio, o Fórum Municipal Conhecer para Proteger aconteceu nesta quarta-feira, 22, promovido pela Prefeitura de Juazeiro do Norte, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (Sedest). Na ocasião, foram debatidos os aspectos psicológicos e jurídicos que envolvem a identificação, o tratamento e proteção a crianças e adolescentes vítimas de abuso e exploração sexual.

O abuso sexual infantil ainda é um tema complicado e difícil de ser abordado, por conta dos tabus que o cercam. Com o intuito de ampliar o debate e ajudar a reconhecer casos em que crianças e adolescentes estão em situação de violência, o Fórum Municipal Conhecer para Proteger promoveu a discussão no âmbito psicossocial e jurídico, com profissionais especialistas na área. A Psicóloga Indira Siebra e o promotor da Infância e da Juventude, do Ministério Público Estadual do Ceará, Dr. Flávio Corte, explanaram sobre o assunto com os profissionais do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), psicólogos e educadores do Município, elencando sinais que remetem ao problema e suas consequências.

O Fórum aconteceu em alusão ao Dia Nacional Contra o Abuso e Exploração Sexual de crianças e adolescentes, 18 de maio, e surge com essa intenção de ampliar, engajar e motivar as denúncias para que se erradique essa realidade no mundo. Para isso, segundo o Secretário Sandoval Barreto, “é urgente oferecer informações, dados, apresentar os sintomas apresentados, para que os pais e protetores consigam identificar os casos e mantenham as crianças seguras. O silêncio não é a melhor opção, enquanto há silêncio, também existe o sofrimento desse ser que ainda está em formação e precisa de proteção”, afirmou Sandoval.

Caminhada Faça Bonito 2019

Nesta sexta-feira, 24, acontece a Caminhada Faça Bonito 2019, em alusão a campanha que combate o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. A concentração é a partir das 8h, na Praça Dirceu de Figueiredo, conhecida como Praça da Prefeitura.

 

ASCOM

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!