Lexa é nova representante brasileira do 'Just Dance'
30/07/2019 10:28 em Música

A cantora Lexa, 24, foi escolhida para ser a representante do Brasil no novo jogo "Just Dance 2020", com a música "Só Depois do Carnaval". O título da Ubisoft será lançado no dia 5 de novembro e, além de Lexa, terá canções de Ariana Grande e Cardi B.

"Eu quase surtei. Acho isso sensacional e muito louco", contou a cantora em entrevista ao F5. "As coreografias sempre foram uma grande marca das minhas músicas, então eu fico muito feliz. É um privilégio e resultado de um trabalho bem feito."

 

A dona do hit "Sapequinha", que soube da novidade há apenas uma semana, acredita que esse trabalho possa fazê-la alcançar uma nova fatia de público. Segundo ela, sua música foi escolhida para o game por ser "bastante brasileira e dançante", com elementos do funk.

"Eu fiz a coreografia original, que está no clipe. Ela foi adaptada para o 'Just Dance', mas ainda há muitos elementos da original. Tem samba, tem funk... Sabe quando você vai sentindo a letra e vai se expressando? Foi exatamente assim que criei ela", conta.

A cantora diz ainda que a nova coreografia precisou ser adaptada pela Ubisoft por conta dos diferentes níveis de dificuldades do jogo –e que ela mesma ainda não aprendeu a dançar a música inteira.

Além de Lexa, outros brasileiros já tiveram espaço nas edições anteriores do jogo, como Ivete Sangalo, com a música "Dançando"; Anitta, com "Bang", e MC Fioti, com "Bum Bum Tam Tam".

Fora dos palcos, Lexa acaba de deixar o posto de rainha da bateria na escola de samba Unidos de Bangu. O posto agora será de sua mãe e empresária Darlin Ferrattry, que já foi musa na Estácio de Sá e rainha de bateria da Lins Imperial.

Após o comunicado, especulou-se que Lexa estaria deixando a Bangu para se tornar rainha de bateria da escola Unidos da Tijuca. Questionada sobre o assunto, a cantora disse apenas que "não tem nada confirmado sobre a Tijuca, mas acho que seria incrível".

COMENTÁRIOS